Mamonas Assassinas: Morte dos integrantes completa 26 anos

0

Há 26 anos o Brasil parou com a morte dos integrantes do grupo Mamonas Assassinas. Conhecidos por sua alegria e bom humor, a perda de Dinho, Sérgio Reoli, Samuel Reoli, Bento Hinota e Júlio fez todo o país chorar. 


Em março de 1996 um acidente de avião, quando a banda voltava de uma apresentação em Brasília, vitimou os cinco artistas, que iam passar a noite com as famílias antes de partir para uma turnê em Portugal. A aeronave em que eles viajavam chocou-se contra a Serra da Cantareira, em São Paulo. Além da banda, o restante da tribulação também morreu na tragédia. 

Um dos maiores sucesso dos anos 90, mesmo após mais de duas décadas do acidente, os Mamonas continuam sendo lembrados e admirados por seus fãs. Nesta quarta-feira (2), por exemplo, diversos internautas se mobilizaram nas redes sociais para homenagear a banda. Entre as publicações, estão momentos de alegria dos integrantes, um dos pontos que mais se destacava na equipe. 

No Instagram, Veléria Zopello usou o perfil para relembrar os 26 anos de morte de seu ex-namorado Dinho. “Vinte seis anos de saudades. Amor eterno. Luz e amor”, disse ela, relembrando fotos ao lado do cantor. 

“‘Saudade é o amor que fica’… Mamonas serão lembrados sempre com muito carinho e sazon”, escreveu uma fã da banda, no Instagram. “Hoje faz 26 anos que mamonas assassinas deixou uma saudade eterna. mas eles sempre estarão vivos dentro de nossos corações”, comentou outra. “A saudade é diária, nem acredito que já são 26 anos. Amo vocês do tamanho da distância da terra até netuno”, comentou outra fã. (Fonte: Bahia Notícias).

Deixar um comentário