Juninho marca duas vezes, Bahia vence o Atlético-MG e quebra jejum de 32 anos

0

Sem títuloA torcida do Bahia voltou a sorrir. Na noite desta quarta (19), o tricolor venceu o Atlético-MG por 2×0 no estádio Independência, em Belo Horizonte, e conquistou seu segundo triunfo longe de Salvador. Juninho marcou os gols que ajudaram o time a quebrar o jejum de 32 anos sem triunfos contra o Galo e, de quebra, colocou o Esquadrão na 12ª colocação da Série A.

Jorginho surpreendeu na escalação, barrando os meias Régis e Allione e promoveu a entrada de Vinícius e o retorno de Zé Rafael ao time, formando o tridente de ataque com Mendoza e João Paulo. E foi Zé o primeiro a aparecer de forma decisiva. Aos 11 minutos, ele pegou rebote dentro da área e foi derrubado por Fred. Pênalti que Juninho bateu e fez Bahia 1×0.

A partir daí o que se viu foi um jogo corrido, com chances para os dois lados. Pressionando o Bahia no campo de defesa, o Galo assustou no chute de Cazares, que Jean fez a defesa. Logo depois, o Bahia precisou contar com a sorte. Jean espalmou o cruzamento de Marlone nos pés de Fred, que livre mandou para o gol, mas Lucas Fonseca chegou antes e de cabeça fez o corte. A bola ainda bateu na trave, livrando o Bahia do empate.

Do outro lado, o Bahia investia nas jogadas de velocidade. Depois do passe de Mendoza, João Paulo chutou forte e levou perigo ao gol de Victor. Depois, foi a vez de Vinícius invadir a área e chutar forte, mas Victor defendeu.

Pressão e gol
No segundo tempo, o Bahia retornou com o mesmo time e Jean voltou a aparecer logo nos primeiros minutos. Na cabeçada de Fred, o goleiro tricolor fez grande defesa e evitou o empate. Depois, salvou na cabeçada à queima roupa de Luan. Jorginho resolveu fechar o time e colocou Eder no lugar de Vinícius. Se defendendo de todo o jeito, o Bahia quase chegou ao segundo gol depois que Gabriel desviou o chute de Eduardo contra o próprio gol e obrigou Victor a fazer grande defesa.

Atrás no placar, o Galo se lançou ao ataque. As investidas, no entanto, abriam espaços para as jogadas do Bahia. Num rápido contra-ataque, Régis achou Juninho na entrada da área. O volante mandou uma bomba sem chances para o goleiro Victor, marcou o seu segundo gol na partida e deu números finais ao duelo em Belo Horizonte

Correio

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário


Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home/inter859/public_html/radiojacuipe.com.br/wp-includes/functions.php on line 3510