Gilberto Gil deve processar homem que o chamou de “macaco”

0

sem-tituloO cantor baiano Gilberto Gil conseguiu uma liminar no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro que obriga o Facebook e o site Pensa Brasil (Rede Brasil) a removerem, durante o prazo de 48 horas, os boatos de que o artista teria criticado a atuação do juiz Sérgio Moro. Gil é representado pela advogada Letícia Provedel. A informação foi divulgada pelo colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

Ainda por causa desse processo,  em que Gil nega ter chamado Sérgio Moro de Moro de “juiz fajuto”, o cantor baiano deve abrir outro processo. A ação dessa vez será contra um homem chamado Hernandes dos Reis, que, por meio de um comentário a respeito do boato, ofendeu o artista, chamando-o de  “macaco filho da p***”.

Varela Noticias

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário


Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home/inter859/public_html/radiojacuipe.com.br/wp-includes/functions.php on line 3509