Novo lote de ingressos para a Olimpíada é posto à venda, pela internet

0

Sem títuloO Comitê Rio 2016 liberou ontem (21), às 12h, no site www.rio2016.com/ingressos, novo volume de ingressos para as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos, que ocorrerão, respectivamente, nos dias 5 a 21 de agosto próximo, somando-se aos eventos que celebram o acendimento da tocha olímpica, na cidade de Olímpia, Grécia. Foram disponibilizados também ingressos para as provas finais de atletismo. As vendas estão sendo feitas somente pela internet, como sucedeu desde a primeira fase de comercialização dos tíquetes para a Olimpíada brasileira.

O diretor de Ingressos do Comitê Rio 2016, Donovan Ferreti, disse à Agência Brasil que os preços oferecidos contemplam todas as categorias de consumidores. “Para você ter uma ideia, tem ingressos para a abertura começando em R$ 200”. Explicou que se trata de uma liberação de contingência, porque onde havia posições de câmeras, plataformas ou itens de cerimônia que não serão mais utilizados, o espaço que estava bloqueado está sendo liberado para venda. O ingresso mais caro para a solenidade de abertura tem valor de R$ 4,6 mil, mas continua sendo aceito parcelamento em três vezes sem juros. Ferreti disse que quem tem direito à meia-entrada também pode se beneficiar do parcelamento.

No total, foram disponibilizados para a Olimpíada 5,7 milhões de ingressos, dos quais já foram vendidos 62%, ou cerca de 3,5 milhões. Excluindo os tíquetes para as partidas de futebol, Ferreti informou que o volume de tíquetes vendidos alcançaria 77%. Ainda estão disponíveis 2,2 milhões de ingressos para compra, que serão liberados à medida que as arquibancadas provisórias forem sendo entregues. O diretor adiantou que para os Jogos Paralímpicos, que serão efetuados no Rio de Janeiro entre 7 e 18 de setembro, já foram comercializados 25% do total ofertado de 3 milhões de ingressos. Ele não tinha mais detalhes, porque os dados estão sendo consolidados.

Em quantidade, Donovan Ferreti informou que o futebol lidera a compra de ingressos para a Olimpíada Rio 2016, “até porque os estádios são maiores”, seguido do atletismo e basquete. Já em termos de demanda por ingressos, o vôlei é o campeão “com muita folga”. Depois, vêm o futebol, basquete e natação. Por estados, os que reúnem mais compradores são Rio de Janeiro, “em volume de ingressos solicitados”, seguido muito de perto por São Paulo. Em seguida, aparecem Brasília, Minas Gerais, Bahia e Amazonas.

A jornalista Gabriela Godói já comprou ingressos para a Olimpíada e a Paralimpíada. Com o namorado e a mãe dele, ela fez uma programação e dividiu os gastos para que ninguém perdesse dinheiro e conseguisse assistir a tudo juntos. Com isso, o processo de compra dos tíquetes foi otimizado. Até o momento, o grupo adquiriu ingressos para a final do atletismo, basquete, vôlei de praia e de quadra, tênis e rúgby, “porque meu namorado é louco por esportes”. Para a Paralimpíada, além da cerimônia de abertura, Gabriela comprou ingressos para natação, atletismo e rúgby de cadeira de rodas. “Já está tudo esquematizado’, disse.

Venda em bilheterias

Em junho, o Comitê Rio 2016 abrirá a venda de ingressos pelas bilheterias no Rio de Janeiro e nas cidades do futebol (São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Salvador e Manaus), onde foram construídos estádios para a Copa do Mundo, em 2014. Mas quem quiser, poderá continuar adquirindo ingressos também pelo ‘site’, alertou o diretor. Os preços serão os mesmos. “Tanto no site como na bilheteria, o valor é exatamente o mesmo”.

No Rio de Janeiro, as bilheterias serão espalhadas nos locais de competição e em dois shopping centers. Nas cidades do futebol, a venda física dos ingressos ocorrerá em shoppings e também nos estádios.

O Comitê tem registrado também grande procura de ingressos por estrangeiros de 206 países. O ranking é liderado pelos Estados Unidos, França e Alemanha. “Vai ser muita gente do mundo inteiro participando aqui dos Jogos”, comentou o diretor.

Para o encerramento da Olimpíada, no dia 21 de agosto, o valor dos ingressos varia de R$ 200 a R$ 3 mil. Como na abertura, a solenidade está prevista para acontecer das 19h15 às 23h.

Agencia Brasil

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário