Site nacional publica matéria sobre participação de Del Feliz no “The Voice”

0

del-the-voiceO “The Voice Brasil”, da Globo, é basicamente um programa para revelar novas vozes, mas o que vemos na edição de 2015 vai além de novatos. O programa deste ano foi contemplado com artistas que já vivem de música e têm destaque em seus trabalhos, ainda que pouco conhecidos do grande público.

Del Feliz, Maurílio de Oliveira, Ayrton Montarroyos e Paulynha Arrais são alguns desses nomes que apareceram na primeira fase e já têm um currículo de fazer inveja em muito veterano, seja por parcerias com Dominguinhos e Maria Bethânia, seja por indicação a prêmios como Grammy Latino. Mas o que faz um artista com carreira estável tentar a vez em um programa para iniciantes?

“Meu objetivo não é ganhar. A TV é uma janela importante para a divulgação da minha música e da minha história”, diz o baiano Del Feliz. Com 15 CDs gravados e dois DVDs, ele foi prontamente reconhecido por Carlinhos Brown, quando o técnico virou a cadeira, durante sua audição. “Eu conheço o cara”, gritou Brown assim que viu quem estava no palco.

Del viu os quatro técnicos do programa –Claudia Leitte, Michel Teló, Lulu Santos e Brown– virarem suas cadeiras para frente, em sinal de aprovação. Claudia foi a escolhida pelo candidato para ser sua tutora. “Não escolhi o Brown para evitar que o público visse alguma vantagem por eu estar naquele time. Na verdade, eu conhecia o Carlinhos pessoalmente apenas de um breve encontro nos bastidores do ‘Sarau du Brown’. Eu costumava abrir o evento e uma vez ele gravou um refrão para mim no celular”.

Com cachês acima dos R$ 50 mil, Del diz ter sido questionado até mesmo pela produção e por amigos sobre a motivação para participar do “The Voice Brasil”. “Ninguém ali [dos candidatos]tem um cachê nem próximo do meu, mas nada disso me envaideceu. Eu nunca achei que eu teria vantagem”. Del, que se autointitula “o homem mais feliz do mundo”, e se orgulha de parcerias com seus ídolos. Dominguinhos gravou três composições dele, Gilberto Gil o convidou para inaugurar a Varanda Elétrica do camarote Expresso 2222 no Carnaval de 2012, e Maria Bethânia passou a interpretar em seus shows “Santo Amaro”, uma das composições do conterrâneo. “Vou carregar estes nomes para sempre como exemplos de generosidade e carinho”.

Artista consagrado?

Outro candidato que chega experiente ao “The Voice” é Maurílio de Oliveira, que está no time de Carlinhos Brown. “Dizem que já sou consagrado. Não concordo. Consagrado é o Caetano Veloso. Estou na carreira há 15 anos, mas as pessoas não sabem quem é o Maurílio de Oliveira”, diz o sambista, que trabalhou por oito anos com Beth Carvalho no Quinteto Em Branco e Preto. “[Entrei no programa porque] Queria ser visto. Quero que saibam quem eu sou e de onde venho. O público só vê a capa, mas não vê os bastidores”.

O sambista Maurílio de Oliveira

Integrante da dupla Prettos, que forma com o irmão, Magnú Sousá, ele entrou sozinho no reality. Desinibido, Maurílio achou que tinha mais perfil para o programa de TV. Os irmãos vivem em São Paulo e têm composições gravadas por Jair Rodrigues e Dominguinhos (“Migração”), Alcione (“Laguidibá” e “Xequeré”), Beth Carvalho (“Melhor Pra Nós Dois”, “A Comunidade Chora”) e Maria Rita (“No Meio do Salão”).

A paixão pelo samba vem de família e já rendeu frutos: Maurílio até tentou inscrever ((Fonte: UOL).

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário