Genival Lacerda, a mistura do forró e alegria do nordestino sobre o palco

0

genival-lacerdaGenival Lacerda é um cantor e compositor nascido em Campina Grande, Paraíba. Seus principais sucessos foram Severina Xique Xique, De quem é esse jegue? e Radinho de Pilha. Sua carreira começou na Região Nordeste e ao longo dela gravou 70 discos.

Morando em Campina Grande, ainda cumpre sua agenda de shows e recentemente fez uma participação no filme Foliar Brasil, sem data para estrear nos cinemas.

Na década de 50, foi morar em Pernambuco e em 1955, decide gravar seu primeiro disco de 78 rotações, obtendo sucesso com a faixa Coco de 56. Em 1964, incentivado por Jackson do Pandeiro, seu concunhado, foi para o Rio de Janeiro, onde trabalhou em casas de forró e chegou a gravar um LP. Contudo, o sucesso só chegou mesmo em 1975, com a música Severina Xique-Xique, cujo verso “ele tá de olho é na butique dela” tornou-se o mais popular do compositor. Graças a essa composição de sua autoria e João Gonçalves, ele vendeu cerca de 800 mil cópias.

Em 1976, lança o disco Vamos Mariquinha, que contém as faixas É Aí que Você se Engana, Forró da Gente, Sanfoneiro Alagoano, Eu Preciso Namorar e A Mulher da Cocada.

Em abril de 2010, a cantora Ivete Sangalo (que se preparava para um show no Madison Square Garden, de Nova York, no fim do mesmo ano), gravou em dueto com o cantor campinense, a música “Chevette da Menina”.3 A música, cuja personagem central se chama Ivete, narra, num tom jocoso e de duplo sentido, a história de uma moça que supostamente empresta seu Chevette a um conhecido e o recebe todo machucado. O refrão diz:

Ainda no decorrer de 2010, outro que também prestou homenagem ao cantor paraibano (desta vez de forma lúdica) foi o apresentador Rodrigo Faro, no seu programa Melhor do Brasil, na Record.

Mais história

A eterna Marinês sempre reclamava do esquecimento de Campina Grande com relação a ela. Logo Marinês, que tanto cantou Campina, com músicas que ficaram na história de nossa cidade.

É mais ou menos o que acontece com Genival Lacerda. O chamado “Rei da Munganga”, ou o “Senador do Rojão”, sempre revelou sua mágoa com sua cidade natal, alegando uma falta de reconhecimento de Campina para com ele. Sucessivamente alegava que as casas de shows da cidade, nunca o chamavam para seus eventos, o que acontece até hoje.

A verdade é que Genival está certo. Se verificarmos o período entre os anos 70 e 80, ninguém divulgou mais Campina Grande no Brasil do que ele. Ao se apresentar em programas como Chacrinha, Silvio Santos e Os Trapalhões, Genival sempre era citado como “Genival Lacerda de Campina Grande”.

Genival nasceu em 05 de abril de 1931 e teve em músicas como “Severina Xique Xique”, “De Quem é Esse Jegue”, entre outras, o impulso para que fosse conhecido nacionalmente.

Como forma de homenagem a esse grande artista de nossa cidade, disponibilizamos abaixo uma excelente entrevista, concedida pelo cantor a Rádio Tabajara, tendo como âncora, o apresentador Osvaldo Travassos do programa “Paraíba é Sucesso”. Nela, Genival conta a história de sua carreira, além de ter algumas de suas canções apresentadas:

 

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário


Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home/inter859/public_html/radiojacuipe.com.br/wp-includes/functions.php on line 3509