Após licitação, azeda a relação entre o prefeito ACM Neto e Jaques Wagner

0

Desceu pelo ralo a “harmoniosa” relação entre o governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), e o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), atualmente duas das maiores forças políticas baianas. O motivo da confusão é a licitação do transporte público da capital do estado.

ACM Neto não gostou do ofício, enviado pelo governador, solicitando a suspensão do processo licitatório e considerou o documento “uma afronta à soberania” de Salvador.

“Não vamos parar o processo porque não reconhecemos a força da lei que criou a Entidade Metropolitana e, principalmente, porque a cidade não suporta mais o modelo atual. O governador Jaques Wagner quer que o cidadão continue sofrendo para andar de ônibus e nós queremos resolver o problema, oferecendo conforto e transporte de qualidade à população. Como fui eleito para cuidar da população e sei que a melhoria passa pela licitação, não vou suspender o processo”, disse o prefeito.

ACM afirma que a licitação era de conhecimento público e começou no ano passado. “Será que só agora o governador tomou conhecimento? Antes de encaminhar um ofício solicitando a suspensão da licitação, por que o governador não pergunta se os usuários estão satisfeitos com o atual modelo?”, indagou.

O prefeito ainda diz que o ofício é uma medida política. “É um caso claro de dois pesos e duas medidas ou de decisões tomadas de acordo com conveniências políticas. Quem será prejudicado, consequentemente, é o povo de Salvador. Quando a política toma lugar da coisa pública, quem perde é a população”. (Informações do Diário do Poder).

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário


Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home/inter859/public_html/radiojacuipe.com.br/wp-includes/functions.php on line 3509