Após renunciar batina, Padre Gerônimo concede entrevista à Radio Jacuipe e revela que vai trabalhar como pedreiro para sobreviver; ouça o áudio

0

O Padre foi entrevistado na residência de seus familiares, em Feira de Santana, pelo repórter Agenor Filho, que apresenta o Jornal da Manhã na emissora ao lado de Geila Carla.

Franco e tranquilo, o Padre Gerônimo respondeu todas as perguntas do radialista, que conduziu a entrevista com muito profissionalismo. Além de confirmar a sua renúncia à Igreja Católica, o ex-pároco de Nova Fátima, Gavião e Capela do Alto Alegre revelou como e por quê tomou a decisão e o que imaginou sobre as reações da Paróquia, do Bispo e da população.

“As pessoas reagiram bem. Houve aquela surpresa de imediato, mas logo todos compreenderam, dando força, mandando mensagens de apoio e até mesmo presente”, disse o padre ao ser perguntado por Agenor Filho.

O futuro como pedreiro

Na entrevista ele disse que o primeiro a saber da noticia foi o Padre Jeremias, que ficava com ele na mesma residência, em Nova Fátima. “Revelei para o padre Jeremias e, depois, a segunda pessoa a saber foi o bispo. Para mim foi difícil encará-lo, no inicio. Ele disse que estava decepcionado, que não esperava isso de mim. Mas, depois me deu força e prometeu me ajudar em tudo que fosse possível”, disse.

O ex-pároco ainda falou sobra a sua nova vida, como será essa adaptação. “Eu vou ficar aqui, em Feira de Santana, e depois deveremos nos casar (com Emilia), na Igreja Católica, porque eu continuo acreditando na Igreja, só não vou poder ficar assumindo o sacerdócio”, comentou.

Mas o padre também revelou o que vai fazer para sobreviver, já que não terá mais o sustento da Paróquia. “Minha família está me apoiando. O bispo disse que vai me ajudar, deverei receber a ajuda da Paróquia por uns dois meses. Mas vou trabalhar aqui com meus irmãos, na construção civil, como pedreiro. Nossa família é de pessoas que gostam de trabalhar”, revelou.

 

Confira abaixo um resumo da entrevista feita por Agenor Filho:

Pergunta: Como tudo começou?

(O Padre começou a entrevista fazendo uma declaração forte, pedindo desculpas aos fieis).

Resposta: Primeiro, quero dizer que, mesmo eu tendo deixado o ministério, não significa que eu não acredito mais no sacerdócio, pelo contrário, sei do valor do mesmo e estarei sempre ajudando a igreja.

Pergunta: Já teve vontade de ficar com outras mulheres?

Resposta: Um sacerdócio é um dom de Deus, desde cedo eu tinha essa noção, mas, como homem, como humano, tenho sentimentos, mas a fé nos levar a superar. E durante a caminhada, muitas mulheres abalaram o meu sacerdócio, mas consegui resistir. Mas com Emília foi diferente, tentei, mas não consegui.

Pergunta: Vocês se conheceram era apenas um Seminarista, pensou em desistir para ficar com ela?

Resposta: Não, até porque eu era completamente a favor do celibato, e queria realmente ser Padre. Alguns colegas discutiam o assunto comigo, mas acabei errando como qualquer um outro ser humano.

Pergunta: Como será o futuro agora do Padre?

Resposta: Eu estudei Teologia e Filosofia, os cursos não são reconhecidos pelo MEC, mas dá aula não é muita minha vocação, mas não tenho preguiça pra trabalhar e vou começar pela construção civil, mas quero também continuar aqui em Feira de Santana para estudar, quero continuar os estudos.

Pergunta: Se sente culpado, esperava essa repercussão na mídia nacional?

Resposta: Culpado, pelo fato de acontecer da forma que aconteceu, e não esperava essa repercussão tão grande na mídia. Fiquei surpreso, mas muitos sites estão distorcendo os fatos.

Veja o áudio da entrevista:

 

                                        

Equipe de Jornalismo

Deixar um comentário


Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home/inter859/public_html/radiojacuipe.com.br/wp-includes/functions.php on line 3509